Como fazer seu Vade Mecum de graça

Se você gosta do site do Planalto para ler as leis, sabe também que seu visual poderia ser melhor. Para resolver esse problema existe o Clearly, uma extensão do seu navegador que limpa as fontes, o alinhamento e todos os outros "pecados" do site do Planalto. O Clearly faz também uma série de outras coisas maravilhosas que você descobrirá naturalmente e que é aplicável a qualquer site.

Se você quer levar no bolso (em forma digital, é claro) cada uma dessas leis, existe também uma solução muito interessante para isso. Ao contrário do que eu fazia, a melhor solução não é simplesmente salvar a página da lei ou gerar um pdf. Basta utilizar o dotEPUB (se você usa Chrome), uma extensão para o seu navegador que gera um livro eletrônico do que está na sua tela. Ou seja, gera um volume eletrônico portável conveniente para o mundo off-line.


Existe uma solução interessante que junta essas duas funcionalidades em apenas uma extensão, chamada Readability. Além dessa vantagem, tem como ponto positivo funcionar em qualquer navegador. No entanto, nos meus testes, experimentei alguns problema na acentuação de páginas grandes, como é justamente o caso das leis. Há também outras alternativas, mas que não aprofundarei aqui. Esse é apenas o jeito que resolvi o meu problema, lembrando que uso o Chrome: Clearly + dotEPUB.

Recapitulando, para ler na web, basta limpar a página para ficar mais legível. Para carregar no seu dispositivo, independentemente de qualquer limpeza (pois o conversor busca as informações exatamente como constam no original), é necessário converter a página em um arquivo portável. O último ato, obviamente, é ler o material que você selecionou. Para isso você vai utilizar o leitor do seu dispositivo portátil ou vai ler o material diretamente no seu desktop. Os primeiros passos foram feitos com extensões (aqueles ícones que são adicionados na sua barra para personalizar sua navegação), mas para o último passo acho melhor usar um programa desktop. Por enquanto, tome nota do Calibre, que além de ser um bom leitor funcionará como uma espécie de iTunes para o gerenciamento dos seus e-books.

Se você for rico, não vai se importar em pagar os R$ 80 que a Saraiva cobra por um Vade Mecum (que tem todas as leis). Se você não for cliente da TIM e tiver sempre acesso à internet móvel, minha dica terá pouca importância. Mas se você não for rico (e for cliente da TIM), com certeza vai aproveitar essa dica: continue utilizando o site do Planalto para consultar as leis, mas use um filtro que melhore a leitura. Caso queira levar no leitor portátil (qualquer que seja ele), converta em uma das extensões que citei. Caso queira ler no desktop, basta usar um dos diversos leitores disponíveis para o formato.

Como acho que esse é um problema "universal", compartilho com vocês minha solução, que é meu primeiro post sobre produtividade para quem trabalha com direito. Para mostrar que funciona, anexo como exemplo a Constituição. Espero que gostem. Ah... e o Vade Mecum pode ser uma coleção de leis do seu interesse. Afinal, não faz mais sentido carregar um livro enorme de papel ou gastar um bom dinheiro para comprar um livro eletrônico, cujo conteúdo é o mais gratuito possível: a própria lei.

Veja aqui exemplos para download de leis.

Acompanhe por RSS

Boletim Arcos

Cadastre-se para receber nosso boletim informativo
E-mail:

ok


Acompanhe o Arcos nas redes sociais


Licença Creative Commons | Atribuição | Uso Não-Comercial | Vedada a Criação de Obras Derivadas
Alguns direitos reservados
Exceto quando assinalado, todo o conteúdo deste site é distribuído com uma licença de uso Creative Commons
Creative Commons: Atribuição | Uso Não-Comercial | Vedada a Criação de Obras Derivadas

Como seria o Vade Mecum dos seus sonhos?

Estamos trabalhando em um Vade Mecum digital, inteligente, acessível e gratuito.
Cadastre-se e tenha acesso antecipado e gratuito à nossa versão beta.