Aula 3 - Política, Direito e Biologia

Diálogos

< Voltar ao diálogo principal
[+1] 
Luiz Henrique Teixeira Santos 04/09/09 às 12h09

Política, Direito e Biologia

Existindo a relação de poder entre os indíviduos, mesmo que por métodos de força para atingir determinado fim, como no caso dos golfinhos, presumisse uma atividade política. Para conseguir atingir o objetivo são formadas as coalizões fortalecendo os laços de reciprocidade, onde cada um fica vinculado ao exercício da gratidão. A política, pois, em sentido amplo e abtrato, tem a ver com o exercício do poder e formação de alianças para atingir um fim, para colocar os objetivos pré-estabelecidos em prática, visando sobretudo a hegemonia de um grupo em determinada situação. Os interesses coinscidentes para atingir um fim formam o vinculo de cooperação e reciprocidade. No caso dos humanos, o Direito normatiza as atitudides para a não utilização de métodos primitivos de dominação. Propõe alguns preceitos a serem respeitados na relação entre indivíduos ou grupos visando manter sobre uma perspectiva de ordem. 
[0] 
Alexandre Araújo Costa 14/09/09 às 10h09

Questionamento

Luiz,

creio que você estabeleceu alguns pontos de partida interessantes, mas não desenvolveu os pontos de chegada.

Licença Creative Commons | Atribuição | Uso Não-Comercial | Vedada a Criação de Obras Derivadas
Alguns direitos reservados
Exceto quando assinalado, todo o conteúdo deste site é distribuído com uma licença de uso Creative Commons
Creative Commons: Atribuição | Uso Não-Comercial | Vedada a Criação de Obras Derivadas

Como seria o Vade Mecum dos seus sonhos?

Estamos trabalhando em um Vade Mecum digital, inteligente, acessível e gratuito.
Cadastre-se e tenha acesso antecipado e gratuito à nossa versão beta.