John Stuart Mill – Biografia

O filósofo inglês, John Stuart Mill, nasceu aos 20 de maio de 1806 em Pentonville, um subúrbio de Londres.Era o filho mais velho do escocês James Mill, que, juntamente a outros como Jeremy Bentham e Harriet Barrow, liderava o grupo de filósofos utilitaristas. Seu pai, que era Chief Examinerda East India Company, dedicava bastante tempo à educação e erudição de Mill, o que nos permite afirmar que seu pai, mais que sua mãe, influenciou muito na formação intelectual de seu filho e, conseqüentemente na vida deste. Aos 14 anos, Mill já lera boa parte dos clássicos gregos e latinos, tinha amplo domínio de História, Matemática e Lógica e já aprendera o básico da teoria econômica. Em consonância à precocidade com que Mill desenvolvia seus pensamentos e teorias, aos 18, começava a compilar e organizar diversos textos que o caracterizariam como um grande literato.

Já em 1823, seu pai arranja-lhe um emprego na East India Company, empresa na qual Mill se consolidaria, chegando, no ano de 1856, a ocupar o mesmo cargo ocupado por seu pai: Chief Examiner.Em 1826, acomete-lhe uma profunda depressão, a qual ele atribui à educação estritamente lógico-analítica recebida do pai. Justificava que emocionalmente era um ignorante.

Conhece Harriet Taylor, em 1830, que se torna o grande amor de sua vida, e por quem nutre um sentimento platônico, porquanto sendo ela casada, só poderiam ser amigos um do outro. Sua amizade, porém, torna-se bem próxima, e, após 25 anos, com ela viúva, casam-se. Ela é tida como uma grande influência em sua vida e pensamento, e sua morte tê-lo-ia abatido sobremaneira.

Às voltas de 1840, entra em contato com Tocqueville e Comte. Com este último, ainda, manteria correspondência mais tarde. Assim, a influência dos ideais democráticos e positivistas marcariam sua obra, impelindo-o a promover o reformismo social.

No ano de 1858, com o fechamento da East India Company, aposenta-se. Em 1865, é eleito para a Câmara dos Comuns, contudo não consegue ser reeleito em 1868. Morre, no ano de 1873, de erisipela infecciosa em Avignon, mesma cidade onde morreu Harriet Taylor, sua esposa.

Publicou as seguintes obras:

1843: Sistema de Lógica Dedutiva;

1848: Princípios da Economia Política;

1851: O Governo Representativo;

1859: A Liberdade;

1861: Utilitarismo e

1865: Sujeição das Mulheres.

Sumário

Boletim Arcos

Cadastre-se para receber nosso boletim informativo
E-mail:

ok


Acompanhe o Arcos nas redes sociais


Licença Creative Commons | Atribuição | Uso Não-Comercial | Vedada a Criação de Obras Derivadas
Alguns direitos reservados
Exceto quando assinalado, todo o conteúdo deste site é distribuído com uma licença de uso Creative Commons
Creative Commons: Atribuição | Uso Não-Comercial | Vedada a Criação de Obras Derivadas