Introdução à Hermenêutica Filosófica

Bibliografia

Alexandre Araújo Costa

ALEXY, Robert. Teoria da argumentação jurídica. São Paulo: Landy, 2001.

APEL, Karl-Otto. Transformação da filosofia. São Paulo: Loyola, 2000.

ARISTÓTELES. Ética a Nicômacos. 2ª ed. Brasília: UnB, 1992.

ATIENZA, Manuel. As razões do direito: teorias da argumentação jurídica. São Paulo: Landy, 2000.

CALVINO, Ítalo. As cidades invisíveis. São Paulo: Companhia das Letras, 1990.

COSTA, Alexandre Araújo. Introdução ao direito. Porto Alegre: Sergio Antonio Fabris Editor, 2001.

D"AGOSTINI, Franca. Analíticos e Continentais. São Leopoldo: UNISINOS, 2002.

DESCARTES, René. Discurso do método. Brasília: UnB, 1985.

EHRLICH, Eugen. Fundamentos da sociologia do direito. Brasília: UnB, 1986.

FOUCAULT, Michel. A ordem do discurso. São Paulo: Loyola, 1996.

_____. A verdade e as formas jurídicas. Rio de Janeiro: Nau, 1996.

GADAMER, Hans-Georg. Verdade e Método. Petrópolis: Vozes, 1997.

_____. Verdade e Método II. Petrópolis: Vozes, 2001.

GILISSEN, John. Introdução histórica ao direito. Lisboa: Calouste Gulbenkian. 2a ed., 1995.

GRONDIN, Jean. Que é hermenêutica?. São Leopoldo: UNISINOS, 2000.

_____. Verdade e Justificação. São Paulo: Loyola, 2004.

HESPANHA. António M. Justiça e ligitiosidade: história e prospectiva. Lisboa: Calouste Gulbenkian, 1993.

_____. Panorama histórico da cultura jurídica européia. Mem Martins: Europa-América, 1997.

KELSEN, Hans. Teoria pura do direito, 1ª versão. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2a ed., 2002 (1933).

LYRA FILHO. Roberto. A reconciliação de Prometeu.

LYOTARD Jean-François. A condição pós-moderna. 9a Ed. Rio de Janeiro, 2006.

NIETZSCHE, Friedrich. Acerca da verdade e da mentira; O anicristo. São Paulo: Riedel, 2005.

_____. Assim falou Zaratustra. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

_____. Crepúsculo dos ídolos. São Paulo: Companhia das Letras, 2006.

RICOEUR, Paul. Teoria da interpretação. Lisboa: Edições 70, 2000.

ROCHA, Leonel Severo. Epistemologia jurídica e democracia. 2ª ed. São Leopoldo: Unisinos, 2003.

RORTY, Richard. Pragmatismo, filosofia analítica e ciência. Em: Pinto, Paulo R. Margutti e outros (organisadores). UFMG: Humanitas, 1998.

SCHLEIERMACHER, Friedrich. Hermenêutica. Petrópolis: Vozes, 2000.

WITTGENSTEIN, Ludwig. Tratado Lógico-Filosófico e Investigações Filosóficas. 2a ed. Lisboa: Calouste Gulbenkian, 1995.

Página anterior
Capítulo 8 de 8
Licença Creative Commons | Atribuição | Uso Não-Comercial | Vedada a Criação de Obras Derivadas
Alguns direitos reservados
Exceto quando assinalado, todo o conteúdo deste site é distribuído com uma licença de uso Creative Commons
Creative Commons: Atribuição | Uso Não-Comercial | Vedada a Criação de Obras Derivadas

Como seria o Vade Mecum dos seus sonhos?

Estamos trabalhando em um Vade Mecum digital, inteligente, acessível e gratuito.
Cadastre-se e tenha acesso antecipado e gratuito à nossa versão beta.